salada
MADE

Saiba mais sobre o importante papel das fibras na alimentação

Quando a assunto é alimentação saudável, muito se houve falar em fibras.  Nos últimos anos, elas têm sido largamente estudadas e sempre são muito indicadas em diferentes tipos de dietas, assim como na alimentação habitual. Seus efeitos benéficos no funcionamento do organismo são muitos, destacando o importante papel na prevenção e tratamento de várias doenças.

As fibras dividem-se em dois tipos: as solúveis em água, que formam géis importantes na atuação de diversas etapas do metabolismo e as insolúveis em água, fundamentais para acelerar o trânsito intestinal e com isso atuando na prevenção de diversas doenças do trato intestinal.

Ambas estão presentes em proporções diferentes em muitos alimentos, mas principalmente em frutas, legumes e verduras, feijões, oleaginosas e em cereais integrais.

Sabe aquela salada de frutas tão saborosa e refrescante no verão? Está recheada de fibras! E aquele arroz com feijão do dia a dia? Também é uma importante fonte de fibras, sendo que o arroz integral possui em maiores proporções do que o arroz branco.

Mas quais são os benefícios de uma alimentação rica em fibras?

  1. Elas atuam na prevenção e tratamento da obesidade. As fibras promovem maior saciedade e quando associadas a atividade física regular contribuem para a perda de peso.
  2. Prevenção do diabetes, pois têm efeito sobre maior controle na liberação de insulina.
  3. Redução nos níveis de colesterol e triglicérides, pois captam parte da gordura dos alimentos e altera a absorção do LDL, considerado o colesterol ruim.
  4. Prevenção de doenças cardiovasculares.
  5. Auxílio na regulação do trânsito intestinal, atuando na prevenção de várias doenças intestinais e até câncer de cólon.
  6. Auxiliam na eliminação de metais tóxicos ao organismo.

A ingestão indicada de fibras na alimentação varia de acordo com a idade e sexo, mas segundo o Guia Alimentar para População Brasileira (2014), esta recomendação deve ser em torno de 25g/dia no caso de adultos e o consumo de frutas e vegetais deve ser maior do que 400g/dia, todos os dias da semana.

Apesar dos inúmeros benefícios, nas últimas décadas, com as mudanças nos hábitos alimentares da população, decorrentes de mudanças no estilo de vida e também alterações no perfil socioeconômico do país, houve uma queda acentuada na ingestão de fibras. Porém o consumo deste nutriente é considerado tão relevante e necessário à saúde que a legislação brasileira tornou obrigatória a informação nutricional da quantidade de fibras nos rótulos de alimentos industrializados, para que a população tenha com isso, maior conhecimento da quantidade que estão ingerindo.

E então vai colocar mais fibras na sua alimentação?? Motivos é o que não faltam! Gostou de nossas dicas?? Então compartilhe com os amigos para que mais pessoas tenham uma boa saúde!!

Referência:

– Guia Alimentar para a População Brasileira, 2°ed. , Ministério da Saúde, Brasília/DF, 2014.

*Escrito pela nossa parceira nutricionista Juliana Pereira

Compartilhe nas suas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial