MADE

Alimentação saudável pode ser aliada contra enxaqueca

Se você já sentiu uma dor de cabeça forte, acompanhada por outros transtornos como sensibilidade a luz, náuseas, tonturas e até formigamentos, fique atento: pode ser uma crise de enxaqueca que chegou. Mas, você sabia que com o tratamento adequado e uma alimentação saudável você pode dar um chega pra lá nas crises? 

 

Dê onde vem? 

Também chamada de migrânea, a enxaqueca é um tipo de cefaleia que parece ser provocada por fenômenos vasculares anormais associados a fatores como estresse, alimentação, tabagismo, insônia e outros, porém os mecanismos exatos da doença ainda são desconhecidos. Durante as crises mais agudas, qualquer atividade relativamente simples pode se tornar uma verdadeira tortura, pois um cheiro, um barulho ou um determinado movimento é o suficiente para agravar os sintomas. 

 

Como dizer tchau para a enxaqueca? 

Existem medicamentos capazes de atenuar as dores, porém o que se sabe realmente é que a alimentação é um dos fatores envolvidos, que parece ter forte influência nos sintomas. Determinados alimentos podem desencadear ou até mesmo agravar a crise, assim como outros parecem estar relacionados a uma melhora significativa.  

 

#FICADICA – Hábitos e Alimentos que podem te ajudar a combater a enxaqueca  

– Evite jejuns prolongados, pois a falta do alimento causa queda na taxa de glicose, levando a falta de oxigenação e à dilatação dos vasos, resultando em dores de cabeça; 

– Azeite de oliva, sardinha, salmão, arenque e linhaça contém ômega 3, que auxilia no processo de inflamação, esses alimentos são aliados no combate a dor; 

– Alimentos fonte de triptofano como banana, leite, pão, arroz integral, feijão, granola agem na liberação da serotonina, hormônio que promove sensação de bem-estar; 

– Anti-histamínicos presentes no cravo, gengibre, canela e no orégano, inibem a produção de histaminas e prostaglandinas responsáveis pelo processo de inflamação e dor; 

– Evite alimentos que contém nitratos e nitritos, como embutidos, temperos artificiais, carnes “curadas” que aumentam a dilatação dos vasos e intensificam a dor; 

– Evite bebidas alcóolicas, a base de cafeína e chocolate, pois estes contribuem no processo da dor e agravam as crises. 

 

 Atividade Física também é muito importante! 

Além dos ajustes no cardápio, a prática regular de atividade física é muito importante para o combate a enxaqueca, pois essa ação promove à liberação de hormônios que agem contra as crises. 

 

 

Lembrando que na MADE você encontra pratos nutritivos, contendo: arroz integral, linhaça, granola e muitos outros alimentos que contribuem para sua saúde e no combate a sua enxaqueca!! 

  

*Escrito pela nossa nutricionista parceira Juliana Pereira – CRN 18664

Compartilhe nas suas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial